(32) 3061-1694

Quando você está desesperado por uma pizza, há algumas opções: O jeito fácil, que é pedir uma pizza gordurosa ou esquentar uma congelada em seu forno. Ou, fazer uma desde o começo.

Essas soluções rápidas serão satisfatórias em curto prazo, mas você ganhará mais fazendo seu próprio jantar. Você será mais cuidadoso com os ingredientes. Você poderá fazer do jeito que quiser (um quarto pepperoni, um terço pimentas vermelhas e o resto queijo extra? Depende de você). Além disso, você ganhará experiência começando a fazer algo do zero.

O mesmo vale para reformulações de website. Você pode compilar um website às pressas em 30 dias, mas não será a mesma coisa que dedicar seu tempo em torná-lo perfeito.

A diferença é que um website construído depressa frequentemente foca apenas na aparência e funcionalidade do website. Desde que seja bonito para os olhos e todos os botões funcionem, ele é considerado um sucesso. Contudo, os profissionais de marketing de inbound não podem ter essa atitude.

Como uma grande parte do inbound marketing ocorre em seu website, uma reformulação de website precisa ir além do estilo do site. Seu foco deve ser cumprir suas metas e combinar com sua estratégia geral.

Isso levará mais tempo que simplesmente jogar algum conteúdo nas páginas do site. Mas, quanto tempo é necessário? Se estiver planejando uma reformulação de website com estratégia, há um cronograma aproximado que pode ser seguido.

Algumas observações. Esse cronograma pode variar um pouco dependendo da complexidade do seu site. Mais páginas e mais recursos significam mais tempo. Ele depende também da equipe que trabalha nos bastidores.

Uma equipe interna, freelancer e agência terão diferentes processos que poderão afetar a programação. Se planejar contratar um desenvolvedor externo, seja um freelancer ou através de uma agência, adicione uma janela de pesquisa de 30 a 60 dias e selecione os profissionais corretos.

Mês 1

Revisão do site atual

Você precisa ter um bom motivo para reformular seu website. Por isso, avaliar seu site atual é a primeira etapa. Você precisa encontrar o motivo principal para a reformulação.

Examine muito bem o site. O que você não gosta? O que você gosta? Esse exame deve ir além de preferências pessoais: ele diz respeito aos números. Estude e registre as métricas principais do site, como tempo no site, taxa de bounce, taxa de conversão e muito mais. Essas estatísticas dirão, preto no branco, quais partes do seu site estão fracassando (e, assim, em quais partes focar durante a reformulação).

Definição da meta

Assim que você souber bem o que não funciona, você pode planejar metas para seu site cumprir no futuro.

Muitas pessoas ignorarão essa etapa (a meta é apenas ter um novo website, certo?). Mas não pule essa parte. Você não iniciaria uma campanha sem metas, então por que lançaria um website sem elas? Definir essas metas desde cedo também é importante. Dessa maneira, você pode planejar construir um site que seja otimizado para cumprir essas metas.

Elas devem ser metas SMART (eSpecíficas, Mensuráveis, Atingíveis, Realistas e que considerem o Tempo) dependendo dos números revisados na etapa anterior. Pergunte-se: Quantos visitantes você quer por mês? Quantos leads? Qual taxa de conversão você deseja ver? Escreva as respostas e pense nelas em cada etapa do percurso.

Personas de comprador

Você pode ter histórias claras de personas de comprador que guiam todos os seus esforços de marketing (fantástico!). Mesmo assim, considere esse momento como sendo perfeito para revisitar e possivelmente revisá-las. Se não tiver ainda perfis de personas de comprador detalhadas, você certamente precisa delas antes de iniciar um projeto de reformulação.

As personas de comprador são fundamentais para reformulação de websites, por alguns motivos Os perfis determinam como configurar seu site. O site deve guiar facilmente os usuários através do funil e o caminho deve ser ligeiramente diferente para diferentes compradores. As personas também afetam suas ofertas de conteúdo premium, portanto, ter compradores ideais em mente antes de começar o website ajudará você a planejar como atrair mais leads.

Mês 2

Curadoria de conteúdo

Você não pediria uma pizza se ainda tivesse sobras na geladeira. Da mesma maneira, você não reformaria páginas ou conteúdo de site que ainda estão ressoando entre leitores e encorajando conversões.

Por isso, você precisa pesquisar todos os ativos de conteúdo online de sua organização: páginas antigas do site, publicações do blog, portfólios, estudos de caso e outros materiais que você usa com clientes para fins de marketing. Determine o que pode ser mantido, o que precisa de revisão e o que precisa ser cortado completamente.

Para aquilo que você planeja manter ou revisar, determine se terá a mesma URL, ou uma URL nova. Para aquilo que deseja cortar, para onde a página antiga irá redirecionar? A HubSpot tem uma planilha Excel útil para planejar isso tudo de maneira superorganizada. Bônus: este documento ajuda a planejar para SEO durante o trabalho, o que é crucial nesse estágio. Afinal de contas, você não deseja perder o valioso valor de SEO que seu site antigo acumulou.

Mês 3

Arquitetura da informação

Agora que você sabe qual conteúdo do site vai manter e qual vai cortar, é hora de planejar o novo conteúdo para preencher as lacunas e como todo esse conteúdo será organizado.

Sua primeira etapa: Desenhe um mapa do site. Planeje quais categorias ficarão na barra de navegação e qual conteúdo ficará sob cada categoria. Onde haverá menus suspensos? Um truque útil: Não organize necessariamente o conteúdo por tipo ou tópico geral. Em vez disso, organize suas páginas para criar uma história ou caminho para essas personas de comprador. Como você quer que seus visitantes ideais progridam através das páginas do seu site? Facilite para que eles sigam esse caminho.

Uma maneira fácil de fazer isso: Um mapa de propósito. É uma extensão do mapa do seu site. Em um mapa de propósito, você atribui uma persona de comprador, estágio de ciclo de vida e meta específicos para cada página (o que pode fazê-lo economizar dinheiro e tempo em longo prazo). Enquanto você faz isso, será necessário adicionar e remover páginas para concluir a jornada do comprador em seu site.

Escreva conteúdo

Quando você conhecer a meta definitiva de suas páginas, você estará pronto para escrever o conteúdo. Invista bastante tempo para criar todo o conteúdo que aparecerá em seu site. Faça isso o quanto antes: é sempre mais fácil projetar em torno do conteúdo do que escrever conteúdo para encaixar no design.

Embora isso inclua a cópia do corpo, não se esqueça de alguns detalhes menores. Escreva cópias para suas chamadas à ação, formulários, metadescrições e outros elementos de microtexto. Se estiver reformulando no HubSpot COS, você pode pensar em conteúdo inteligente e tokens de personalização também nesse ponto.

Desenvolva wireframes

sparkreaction-faq-wireframe-new.png

É hora do designer entrar em cena para que seu site possa tomar forma. Antes de tornar o visual do seu site fantástico, com fotos atraentes e lindos textos, descubra onde, exatamente, todos esses elementos serão exibidos na página. É para isso que servem os wireframes.

Começar com wireframes economiza muito tempo em longo prazo. Em vez de mover um monte de elementos de design, você pode simplesmente mover espaços reservados até que eles estejam exatamente onde você deseja.

Há muitas maneiras de criar wireframes. A rota mais fácil? Esboçá-los em um quadro branco. Mas se desejar wireframes mais definidos, esboce-os  no Photoshop (ou qualquer outro software de edição de imagem), ou use um software interativo de wireframing, como o Axure.

Mês 4

Projetar mock-ups

Assim que os wireframes estiverem prontos, é hora de começar a deixar eles bonitos. Agora, você pode começar a adicionar cores, brincar com as formas e colocar fotos.

Isso pode ser feito no Photoshop ou em outro software de design. Quando os mock-ups de design estiverem prontos, eles devem ficar quase iguais seu site na web. Isso significa que eles devem conter conteúdo real.

Programe várias semanas para esse processo. Primeiro, seu designer precisará de muito tempo para incorporar todos os elementos. Ainda mais importante: você provavelmente desejará incorporar um processo de exame e revisão. Afinal de contas, você quer que a reformulação seja perfeita.

Mês 5

Desenvolvimento

Você tem tudo exatamente onde quer. Você acha que seu site ajudará a cumprir as metas e mover os visitantes através da jornada do comprador. O trabalho duro acabou. (Oba!) Agora, siga em frente e entregue tudo para um programador.

Geralmente, você pode relaxar e esperar até que seu site totalmente funcional seja desenvolvido. A programação, no entanto, pode ser demorada. Dependendo da pessoa encarregada do desenvolvimento, o prazo pode variar. Planeje pelo menos um mês de codificação.

2 semanas antes de lançamento

Determine o posicionamento do conteúdo

Assim que as páginas estiverem prontas para serem trabalhadas, a primeira etapa é posicionar seu conteúdo. Isso inclui copiar e colar texto de corpo, criar CTAs, fazer upload de arquivos e soltar imagens. Lembre-se de que pode ser necessário fazer algum ajuste nas cópias. Mesmo que você tenha projetado tendo o conteúdo em mente, às vezes, as palavras que você quer não parecem certas. É hora de ajustar suas frases para que a mensagem encaixe.

Também é hora de usar o corretor ortográfico! Nada reduz mais a credibilidade de um site que um erro ortográfico flagrante. Evite isso a todo custo.

Finalize URLs e redirecionamentos 301

Lembra-se da lista que você fez há alguns meses, com todas as páginas do site antigo, suas URLs e para onde redirecioná-las? Ela será útil agora. Agora é hora de colocar esses novos endereços no lugar. Entre nas URLs corretas (novas) nas páginas e configure redirecionamentos 301 das páginas antigas. É muito simples, mas é uma etapa superimportante que não pode ser ignorada.

SEO

Você já deve ter uma estratégia de palavras-chave e otimização de mecanismos de pesquisa implantada. Você deve incorporar agora as melhores práticas de SEO, antes que o site seja ativado. No backend do seu site, adicione metadescrições, adicione links internos e verifique se suas palavras-chave estão em sua URL, tags H1 e texto alt.

Solução de problemas

Antes de pressionar o botão “publicar”, certifique-se de que seus usuários terão uma excelente experiência desde o começo. Visualize várias páginas do site em vários navegadores e dispositivos para garantir que elas estejam funcionando e com boa aparência. Se não estiverem, ajuste! Clique também em todos os links, para garantir que não haja links quebrados. Quando tudo funcionar como deveria, você está pronto!

Mês 6 (data do lançamento)

É o grande dia! Publique todas as suas novas páginas, mas não relaxe ainda! Fique preparado para corrigir problemas inesperados.

Certifique-se de fazer um pouco de controle de qualidade nesse dia, também. Você nunca sabe se algo deu errado em algum ponto do caminho. Verifique se seus redirecionamentos 301 funcionaram e se todas as páginas do seu site estão no lugar certo.

Pós-lançamento

(O que? Você achou que já terminamos?)

Gere mapas de calor

Mapas de calor são incrivelmente úteis para compreender como seus visitantes interagem com seu website. Instale um software de mapa de calor (como Hotjar, Crazy Egg, ou HeatMapper) para saber onde seus visitantes estão clicando. Isso permite criar hipóteses sobre suas ações e fazer revisões de acordo. Em última análise, você quer que seu site seja fácil de navegar.

Execute testes A/B

Talvez, você ainda não tenha decidido se essa CTA deveria ir abaixo ou ao lado da cópia. Talvez, você não em certeza de qual título colocar em sua homepage. Depois do seu site ser ativado e ficar ativo por um pouco de tempo, você pode configurar testes A/B para determinar a melhor solução em longo prazo.

Experimente com testes de usuário

Testes de usuário podem, na realidade, vir antes do lançamento do seu site. De fato, é preferível que venham. Mas como muitas pessoas estão apressadas para publicar esse site novo em folha, não faz mal colocar os testes de usuário após o lançamento.

Durante os testes de usuário, reúna-se com pessoais reais e veja como elas usam seu site. O que as agrada? Onde ficaram travadas? Use esses insights para revisar seu site.

Revise as análises de meta

Lembra-se das metas definidas seis meses atrás? (Espero que sim, pois elas deveriam ter guiado todas as suas decisões de design web). Agora, é hora de avaliá-las. Você irá comparar os dados do novo site com os dados do antigo site para obter um panorama mais claro sobre o que teve sucesso (e o que não teve sucesso).

As análises específicas examinadas dependerão das suas metas individuais, mas aqui estão algumas boas:

  • Tempo no site
  • Taxa de bounce
  • Taxa de click-through
  • Taxas de conversão
  • Fontes de tráfego
  • Páginas com melhor classificação
  • Total de pageviews

Embora esse seja o fim do cronograma, ele não é o fim do trabalho em seu website. De fato, seu website nunca deverá estar realmente “pronto”. Afinal de contas, você deve ajustá-lo para otimizar para conversões, adicionar novos conteúdos e alterá-lo conforme sua organização muda. Ao seguir adiante, lembre-se de que não há nada de errado em revisar ao longo do caminho, desde que suas metas em longo prazo estejam à frente dessas decisões.

 

Fonte: https://br.hubspot.com/blog/plano-para-reformulacao-de-website

Comentários

comentários